Universal inaugura templo em povoado de Moçambique

Região fica a 75 quilômetros de Maputo e não tinha acesso nem a água potável

Há 23 anos a Universal chegava a Moçambique, país do sudeste do continente africano. Hoje já são mais de 200 igrejas no país. Independente de Portugal há 40 anos, o povo moçambicano ainda convive com guerrilhas, dificuldades econômicas e desigualdades sociais.

Ao longo das duas últimas décadas, a Universal vem contribuindo com a promoção do bem-estar espiritual e material dos cidadãos locais, por meio do trabalho de voluntários e de ações sociais que alcançam as regiões mais afastadas dos centros urbanos e as comunidades mais carentes.

No último dia 6 de novembro, o povoado da vila de Mafavuca, localizado no distrito de Namaacha, contou com a inauguração da primeira igreja Universal na região, além da entrega de um poço artesiano. O local fica a 75 quilômetros de distância da capital do país, Maputo.

Deus realiza o sonho de quem toma atitude

Mais de 400 pessoas estiveram presentes no evento, inclusive crianças, que receberam atenção especial das educadoras da Escola Bíblica Infantojuvenil (EBI), que levaram alegria e a Palavra de Deus a elas, além de brinquedos.

O pastor Luiz Morais, responsável pelo trabalho de evangelização no país, realizou a primeira oração no novo templo e agradeceu a Deus pela Sua presença na vida de cada um dos que estavam naquela cerimônia inaugural. Ele falou sobre as conquistas alcançadas e as que estão por vir em benefício de toda a comunidade.

“No primeiro dia, quando viemos aqui, realizamos uma oração a céu aberto e prometemos construir uma igreja, além de abrir um poço artesiano para que vocês tivessem água limpa para o consumo. Deus realiza o sonho de quem toma atitude, e Ele é aquele que faz por onde. Eu não só pensei e sonhei, mas tomei atitude para que isso acontecesse, e hoje a promessa foi cumprida. Em breve também teremos aqui casas e energia elétrica”, disse.

Trabalho social permanente

A população de Mafavuca não tinha fácil acesso à água potável, o que foi solucionado coma construção do poço artesiano, em parceria da Universal com outras entidades sociais do país. Um dos projetos futuros é ajudar a comunidade a investir na agricultura e na criação de pequenos animais domésticos, como galinhas, patos e coelhos.

Além disso, a partir de janeiro de 2017, os voluntários começarão a dar aulas de alfabetização para adultos por meio do projeto Ler e Escrever, cozinheiros visitarão a comunidade para ensinar os interessados a produzir pratos típicos da região e voluntários ensinarão a fabricar tijolos, que serão usados na construção de uma vila de casas na comunidade.

Veja abaixo o vídeo com imagens do novo templo e do poço artesiano, além de relatos de moradores do local sobre a ação:

Publicado em Sem categoria. Leave a Comment »

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: