UCRÂNIA: Universal visita orfanato

Veja como crianças ucranianas estão superando os traumas

Sete voluntários do Centro de Ajuda da Universal ucraniana visitaram o orfanato Lar Mriya Pereyaslivchinu, localizado na capital Kiev, com o intuito de levar carinho e atenção aos moradores. A visita foi realizada no dia 2 de fevereiro e atendeu a aproximadamente 20 crianças.

Como é possível ver na galeria de imagens abaixo, as crianças se divertiram nas muitas brincadeiras, conversaram com os voluntários sobre seus medos e sonhos e renovaram suas esperanças de que é possível construir um futuro melhor.

O responsável pelo trabalho de evangelização da Universal no país, pastor Gilcimar Taborda, ressalta que, da maneira como essa ação social é realizada, as crianças aprendem “de maneira prática e criativa que o bem deve ser feito a todos tal como a si mesmo, pois, se plantarmos o bem, iremos também colhê-lo nas nossas vidas”.

Todos os meses, a equipe de voluntários visita o lar Mriya Pereyaslivchinu levando doações de alimentos, brinquedos e produtos de higiene pessoal. Mais importante do que isso, levando fé aos pequenos. O pastor Gilcimar afirma: “Graças a esse trabalho já temos visto resultados na vida das crianças, como foi o caso da Tanya Panomorenko”.

Vida transformada

Tanya é uma das crianças que receberam a visita da Universal enquanto morava no orfanato. O pai da garota deixou sua mãe sozinha após inúmeras brigas, todas causadas pelo alcoolismo dele.

Para Tanya, a perda do pai trouxe também outros problemas: “Eu amava meu pai e passei a sentir a sua falta. Minha mãe só recebia pensão e, por isso, eu e meu irmão tivemos de começar a trabalhar”.

Algum tempo depois, a mãe de Tanya ficou enferma e perdeu a luta contra a doença. O casal de irmãos foi enviado ao orfanato, onde a menina cortou os próprios pulsos com um pedaço de vidro.

“Com isso, me tornei mais complexada, sem conseguir me abrir com ninguém.  Dentro de mim havia uma tristeza, um vazio, que me fez um dia tentar o suicídio. Na verdade, eu não queria morrer, mas queria receber a atenção de alguém”, revela.

O vazio crescia cada vez mais. Tanya queria fugir do orfanato e não conseguia se dar bem com pessoa alguma. Até os voluntários da Universal aparecerem. Ela afirma que, atendendo ao convite deles, passou a participar das reuniões da Universal e uma grande mudança aconteceu em seu caráter. Ela aprendeu a vencer a timidez e os complexos que a perseguiam:

“Meu interior começou a mudar. Passei a ter paz dentro de mim, aquele vazio que tinha deixou de existir. Passei a ter alegria e a cada dia minha vida tem mudado mais, pois o Espírito Santo me transformou”, comemora.

Quer participar das ações realizadas pela Universal e doar um pouco do seu carinho àqueles que necessitam? Clique aqui e saiba como.

Publicado em Sem categoria. Leave a Comment »

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: